Caspa excessiva? Entenda o que é a dermatite seborreica

Provavelmente você já deve ter se deparado com aquela coceira no couro cabeludo, rosto ou na sobrancelha e, de repente, se deparou com algumas placas brancas que geraram muito incômodo….

Caspa excessiva? Entenda o que é a dermatite seborreica
Imagem: Reprodução/Freepik

Provavelmente você já deve ter se deparado com aquela coceira no couro cabeludo, rosto ou na sobrancelha e, de repente, se deparou com algumas placas brancas que geraram muito incômodo. Às vezes ao lavar o cabelo com um bom shampoo, o problema pode ser solucionado logo de início, porém, quando a situação permanece, algo pode estar errado.

O que é?

De acordo com o dermatologista e professor do curso de Medicina do Centro Universitário de João Pessoa – Unipê, instituição pertencente ao grupo Cruzeiro do Sul Educacional, a dermatite seborreica, também conhecida como caspa, é uma condição crônica da pele que afeta principalmente o couro cabeludo e áreas ricas em glândulas sebáceas, como o rosto, as orelhas e o peito, sendo a mais comum é a que afeta o couro cabeludo.
“A dermatite seborreica pode afetar pessoas de todas as idades, mas costuma aparecer mais em adultos jovens e tende a diminuir com o passar dos anos. Alguns fatores, como o estresse, podem desencadear ou piorar a condição. E pacientes com doença de Parkinson têm dermatite seborreica associada”, explica.

Sintomas

Os sintomas incluem descamação da pele, vermelhidão, coceira e, em casos mais graves, crostas ou placas oleosas. Segundo o docente, as causas exatas não são completamente compreendidas, mas fatores genéticos, hormonais e ambientais podem desempenhar um papel no seu desenvolvimento.

Diagnóstico

Em todo caso, quando os sintomas começarem a surgir o mais aconselhável é procurar ajuda para entender quais são os fatores que estão causando a presença da caspa. “O diagnóstico geralmente é feito com base nos sintomas e na aparência da pele. Em casos mais complexos, o médico pode realizar uma biópsia da pele para confirmar o diagnóstico. Além do couro cabeludo, a caspa pode aparecer em áreas como sobrancelhas, cílios, orelhas, nariz, peito e costas.”

Tratamento

Freire ressalta que é importante consultar um dermatologista para um diagnóstico preciso e um plano adequado. Assim, poderá ser feito um tratamento com objetivo de obter os melhores resultados. De acordo com o especialista, sempre que os sintomas persistirem ou piorarem, a recomendação é procurar orientação de um profissional de saúde.

%d blogueiros gostam disto: